Nofake

Agrotóxicos Falsificados Apreendidos no Brasil

Fonte: G1

Nos primeiros dois meses de 2022 houve apreensão de mais de 84 toneladas de agrotóxicos falsificados ou contrabandeados no Brasil. Em 2020, as apreensões somaram 59 toneladas. A maior parte dos produtos são fabricados na China, vendidas no Paraguai e vem para o Brasil pelas rodovias.

Os números desse tipo de contrabando podem ser ainda maiores, acredita a Receita Federal. Um dos motivos para o crescimento do crime seria a alta do dólar.

Arnoldo Daher de Almeida, superintendente federal substituto do Ministério da Agricultura do estado de Goiás afirma que “o contrabando tem crescido muito. Primeiro por causa dessa diferença cambial. O dólar está muito valorizado. Então, as commodities estão valendo muito dinheiro. E o segundo motivo é por causa desse ‘boom’ que o agronegócio teve nos últimos anos”. Ainda ressalta “o ministério tem feito várias ações, todas em conjunto com a Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Federal, com a Decom também, que é a delegacia do consumidor, e com todos outros órgãos de fiscalização.”

 

Agrotóxicos contrabandeados

Policiais militares encontraram 20 toneladas de agrotóxicos contrabandeados dentro de um caminhão que era para transportar alimentos, em Goiânia. O motorista foi preso em flagrante. A Polícia Rodoviária Federal ainda afirma que as apreensões estão sendo frequentes durante os patrulhamentos e se tornaram significativas no combate ao crime.

Em Jataí, região sudoeste de Goiás, outra apreensão foi registrada. A PRF fez a apreensão de um casal com 100kg de inseticidas escondidos em embalagens de ração para cachorro com os rótulos em espanhol.

Na mesma região, em Acreúna, os agentes da PRF encontraram uma tonelada e meia de defensivos agrícolas. As embalagens não tinham rótulo e nenhuma informação que pudesse indicar a procedência.

Grande parte tem substâncias proibidas e não passa por análises de órgãos técnicos, não só apenas o Ministério da Agricultura e Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), como também o Ibama, o que representa um grande risco a saúde.

A geneticista da UFG, Daniela de Melo e Silva diz “Os agrotóxicos contrabandeados e proibidos podem causar tumores em humanos, cânceres, principalmente hematológicos, de cabeça e pescoço. Podem causar problemas neurológicos, como Parkinson e mal de Alzheimer, por exemplo”.

Sabia que na NOFAKE você pode denunciar lojas que vendem produtos falsificados das suas marcas e grifes favoritas?

Não apenas grandes marcas, como também grifes conhecidas mundialmente causam grande desejo em milhares de pessoas no mundo todo. Entretanto, isso infelizmente desperta o interesse de pessoas má intencionadas com o intuito de falsificar os produtos. Como resultado isso acaba denegrindo a marca, seu design e sua história. Por isso, não deixe isso acontecer! Conhece alguma loja que vende produtos falsificados?

Quer saber mais sobre notícias assim?

Para saber mais sobre notícias de apreensões de produtos falsificados, clique aqui e fique por dentro das operações.